domingo, 31 de julho de 2011

Pense antes de julgar e criticar


Olá! Primeiro quero me desculpar pelo desabafo e deixar bem claro que eu não sou contra ninguém e sim a favor da liberdade de “pensamentos”.  Até o momento eu fiz a escolha de me abster sobre o assunto, porém não aguentei, são tantas bobeiras que ouço que as vezes não acredito.
Antes de ir ao assunto, só um lembrete, atitudes sustentáveis não são apenas ações que envolvem o meio ambiente, mas também a sociedade e a economia, o famoso triple bottom line, que no bom português quer dizer tripé da sustentabilidade..
Vamos lá então ao desabafo, na verdade algumas perguntas: gostaria muito de saber o porquê tantas pessoas estão achando um absurdo e criticando cenas que envolvem gays nas novelas??!!! Que eu saiba o casamento homoafetivo  foi legalizado e reconhecido, qual é o espanto??!! E o porquê das criticas??!! É o nosso cenário social, para que ocultar?!
Os conservadores sociais talvez ainda acreditem que o casamento “gay” está errado porque o propósito do matrimonio é ter filhos, mas heterossexuais estéreis, sem filhos e pós-manopausa se casam o tempo todo e ninguém fala nada, inclusive tem muitas cenas nas novelas. Bom! sei que o assunto é polêmico, mas se eu fosse uma conservadora social, ou seja, se eu fosse alguém que me preocupasse profundamente com a estabilidade social, prosperidade econômica e monogamia sexual, eu iria adorar e querer que o máximo possível de casais gay se casasse, na verdade o máximo possível de todo tipo de casal. Gente!!! O casamento legal reduz a promiscuidade sexual e prende pessoas a obrigações sociais, é um elemento essencial de toda comunidade ordeira.
Parafraseando um depoimento da autora Elizabeth Gilbert em um dos seus livros, a verdade é que muitos casais do mesmo sexo só querem simplesmente fazer parte da sociedade como cidadãos totalmente integrados, com responsabilidades social, centrados na família, pagadores de impostos, torcedores do time de futebol dos filhos. Então porque nós heterossexuais não damos as boas vindas ao invés de criticar e rejeitar?
 Pense nisso!

12 comentários:

  1. Seria bom se todo tivessem a mesma opinião que você, acho que as pessoas estão com a cabeça muito fechada e por isso não aceitam.

    ResponderExcluir
  2. Verdade victor. Olha como para a sociedade de hoje seria um absurdo isso: no EUA até 1967 era proibido, considerado ilegal o casamento inter-racial, ou seja, durante quase toda história americana apaixonar-se por alguém da "cor errada" de acordo com eles, podia dar cadeia. Olha como as pessoa pensam pequeno, creio que daqui uns tempos as novas gerações irão rir dessa questão de descriminação da união "gay".

    ResponderExcluir
  3. Pô que artigoi legal hein! Mas vou dizer o que acho, o grande problema é que as pessoas são muito bitoladas e por essa e outras razões elas não conseguem aceitar as coisas.

    Abraço e sucesso.

    ResponderExcluir
  4. Carissima Eduarda, acho muito pertinente o seu texto, embora em minha humilde opnião, faz se necessario uma conscientização, tanto ta população Glbt no que tange á exposição em ecesso, quanto da população hetero, que esta mais que na hora de perceberem que a homofobia é um crime, e ja temos lei estadual que versa sobre o assunto, desda forma acredito que cabeao Estado, este trabalho de concientização para que possamos quebras os tabus que ainda restam.
    Grato,
    Wellynton Rezende

    ResponderExcluir
  5. Eduardo Mendonça31 de julho de 2011 16:19

    Eduarda,
    Um post muito bom e que mostra que a cabeça das pessoa estão mudando. Você é uma exemplo disso. Acreito muito que é apenas uma questão de cultura e que a novela Insensato Coração esta fazendo um papel muito importante em mostrar como é natural o relacionamento entre PESSOAS, independentes de serem heteros ou homo. Outro dia estava discutindo esse assunto com uma pessoa de familia que achava errada o que a novela tá fazendo, pois nos expunha a violência. Mostrei que era o contrário, nos expunha como pessoas normais como qualquer ser humano. Bom, é isso. Parabéns pelo post e suas atitudes sustentáveis.

    ResponderExcluir
  6. Eduardo Mendonça31 de julho de 2011 16:30

    Faltou elogiar a GLOBO pela coragem e autenticidade com quem vem tratando do assunto. Não apenas com a novela como em outros de seu quadros, a exemplo de "Amor e Sexo" e "Jornal Nacional".

    ResponderExcluir
  7. Querem evitar o inevitável , achando que proibir a união estável entre homossexuais eles não irão namorar nem morar juntos, mentes pequenas mesmo, pq a realidade é outra , milhões de gays já são amigados apenas querem ser respaldados pela lei para obter os mesmos direitos que um casal heterossexual.

    ResponderExcluir
  8. Nossa sociedade ainda não está totalmente educada para "abrir a cabeça" a assuntos novos.

    Parabéns pelo blog!!

    www.arteurbana2011.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Wellynton Rezende, Eduardo, Arte Urbana, Francorebel... Grata pelas considerações e contribuições que são de extrema importância e relevância para o Blog.

    ResponderExcluir